Fiat 8V Supersonic 1953: essa raridade foi leiloada por mais de U$2 milhões

XKSS-Front-3_4

O carro, leiloado pela Bonhams, original de 1953, é um dos 15 modelos 8V da Fiat com o visual Supersonic produzidos junto à Ghia – famosa empresa italiana de design automobilístico. É um bólido antigo!

Edição limitada original da década de 1950 passou por uma restauração que levou oito anos para ser concluída, o Fiat 8V Supersonic, modelo que foi leiloado recentemente, tem visual aeronáutico do Supersonic é assinado pela Ghia. Colecionar carros é uma tarefa difícil: eles geralmente são maiores, muitas vezes mais raros e tão caros quanto quadros e esculturas – tudo porque alguns tiveram edição limitada e poucos sobreviveram ao tempo. Daí, quando uma edição única aparece à venda ela vira febre entre os amantes das quatro rodas.

 

O carro, leiloado pela Bonhams, original de 1953, é um dos 15 modelos 8V da Fiat com o visual Supersonic produzidos junto à Ghia – famosa empresa italiana de design automobilístico. Ele permaneceu por 36 anos nas mãos do mesmo proprietário e passou por uma restauração de oito anos que custou US$ 600 mil.

Na parte técnica, o 8V Supersonic tem embreagem manual de quatro velocidades, suspensão independente nas quatro rodas e dois carburadores Weber 36 DCF, além da válvula Fiat 8V que dá nome ao modelo. O layout segue o padrão aeronáutico dos Supersonic e tem pintura em azul com o interior em couro.

 

 

 

O motor é um original do 8V Supersonic com dois carburadores Weber 36 DCF e a válvula 8V da Fiat que dá nome ao modelo.

 

 

 

 

 

Um dos modelos mais famosos da Ghia, o Supersonic não era apenas uma questão de moda  brilhante; foi em muitos aspectos o resultado de necessidade econômica. Nos anos imediatamente seguintes a Segunda Guerra Mundial, os construtores italianos enfrentaram terríveis circunstâncias. Os principais fabricantes do país estavam lutando para retornar às condições normais de funcionamento, a economia era um modelo de instabilidade, e alguns veículos em produção eram adequados para uma Itália vitoriosa.

 

 

Em 1950, um designer talentoso, o engenheiro, Savonuzzi começou sua carreira no setor aeronáutico da Fiat, onde desenvolveu uma estreita relação de trabalho com Dante Giacosa, o homem por trás do projeto 8V.

Para a Fiat 8V, Savonuzzi criou um cupê de duas portas com base em suas experiências anteriores. Em ambos, conceito e detalhe, ele abandonou influência tradicional e olhou em direção as tendências contemporâneas na indústria aeroespacial, um campo familiar para o designer.

Em maio de 1953, o Supersonic chegou aos Estados Unidos aclamado pela crítica. Nos meses seguintes à sua chegada, foi destaque em várias publicações automotivas, incluindo todos os carros do mundo, 1954 Carros e Motor Trend.

É seguro dizer que esse Supersonic levou uma existência extraordinariamente protegida e isolada. No momento da catalogação, o velocímetro marcava apenas 26,700 km – pouco menos de 17.000 milhas. Este número espantoso é suportado pelo estado do carro altamente original, uso mínimo e proveniência hermética.

 

A pintura parece ser 80% original e possui uma bela aparência, uniforme, com todos os traços maravilhosos que vêm com décadas de uso contínuo e interação com seu cuidador em longo prazo. O Supersonic é, literalmente, original voltado para baixo para as rodas e pneus Pirelli Cinturato instalados de fábrica, e os discos originais de rodas polidas são o único conjunto original conhecido por ter sobrevivido intacta.

A raridade alcanço no leilão, mais de US$2 milhões (mais de R$10milhões).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mantenha-se informado

Notifications    OK No thanks